Dor na lombar: entenda quais podem ser as causas do problema - Instituto Lithos

Dor na lombar: entenda quais podem ser as causas do problema

Afinal, como é o tratamento de pedra nos rins?
4 de abril de 2018
Nefrologista e urologista: entenda as funções de cada profissional
11 de abril de 2018
Show all

Dor na lombar: entenda quais podem ser as causas do problema

A dor na lombar ou lombalgia é um problema que atinge 80% da população ao menos em algum momento da vida, segundo estimativa da OMS — Organização Mundial da Saúde. É também uma das principais razões para o afastamento no trabalho.

Há dois tipos de dores na lombar, a aguda e a crônica. Enquanto a dor aguda desaparece em um período que varia entre quatro a seis semanas, a dor crônica permanece por mais de três meses.

De acordo com o National Institute of Neurological Disorders and Stroke dos Estados Unidos, cerca de 20% das pessoas que sentem dor na lombar serão acometidas pelas dores crônicas. Inclusive, a lombalgia crônica é o maior problema de saúde em todo o mundo, após o resfriado comum.

Mas, afinal, quais podem ser as causas da dor na lombar? Listamos as principais para que você possa prestar atenção aos sinais e buscar a orientação de um especialista para um diagnóstico e tratamento correto. Confira!

Postura incorreta

Ficar muito tempo de pé ou sentado, em uma posição inadequada, é uma das causas mais comuns de dores na lombar. Dormir de mal jeito, agachar-se, levantar-se ou sentar-se de maneira incorreta e realizar movimentos bruscos são hábitos que também levam ao desenvolvimento da lombalgia.

Por isso, procure não ficar muito tempo na mesma posição. Para evitar a dor crônica, a recomendação é caminhar ou alongar a coluna, ao menos, de 50 em 50 minutos. Evite calçado com salto e prefira solados macios. Sentar-se sobre os glúteos e dobrar os joelhos ao agachar-se são outras práticas importantes.

Problemas mecânicos degenerativos

Os problemas mecânicos degenerativos estão entre os motivos frequentes para o surgimento da dor na lombar. A escoliose (curvatura da coluna vertebral) e a lordose (curvatura em excesso da coluna na área lombar) que, em geral, afetam pessoas de mais idade, entram na lista desses problemas.

As causas da lombalgia podem estar relacionadas também às distensões musculares e aos traumas ocasionados por acidentes.

Outras possíveis razões da dor na lombar são a hérnia de disco (quando os discos localizados na coluna vertebral são rompidos ou mudam de posição), a ciática (quando há compressão do nervo ciático) e a artrose (doença degenerativa que afeta os discos que ficam entre as vértebras).

Fraqueza muscular

O sedentarismo pode ser prejudicial à musculatura na região da coluna, tornando-a mais vulnerável. Esse estado de fraqueza muscular pode gerar lombalgia, uma vez que a coluna e as articulações perdem a solidez.

Sendo assim, é muito importante a prática regular de atividades físicas sob a orientação de um especialista, de modo a proporcionar um melhor condicionamento, eliminar a dor na lombar e manter uma rotina saudável.

Cálculo renal

A lombalgia pode ser um sinal de que você está com cálculo renal. Trata-se de uma dor unilateral, isto é, em apenas um dos lados das costas. Outros sintomas são as náuseas, os vômitos e a presença de sangue na urina.

Com o tempo, a dor piora ao ponto de o paciente não conseguir andar, deitar e nem mesmo sentar. Para o diagnóstico e o tratamento correto da possível pedra nos rins, você deve procurar um urologista.

Tumores

A despeito da presença de tumores na região da coluna ser algo incomum, eles também podem ser a causa da lombalgia. Nesse caso, o paciente poderá ainda sentir formigamento e perda de peso. Seja qual for o motivo da dor na lombar, o médico deverá ser procurado imediatamente.

Em suma, as causas da dor na lombar podem significar diferentes problemas, de uma postura inadequada ao se sentar ou deitar a problemas crônicos e até tumores. Por isso, apenas um especialista poderá examinar cada paciente de forma personalizada e apresentar o diagnóstico e o tratamento corretos.

Você, que acabou de entender quais podem ser as razões que levam à dor na lombar, confira agora qual a importância de uma alimentação saudável e fique em dia com sua saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *