5 alimentos bons para os rins que você precisa incluir na dieta - Instituto Lithos

5 alimentos bons para os rins que você precisa incluir na dieta

Alimentos saudáveis
Alimentação ideal para cada tipo de pedra nos rins. Sabia disso? 
19 de setembro de 2018
Especialista em rins
Quando é a hora certa de procurar médico especialista em rins?
26 de setembro de 2018
Show all

5 alimentos bons para os rins que você precisa incluir na dieta

Alimentação saudável

Para manter o excelente funcionamento dos nossos órgãos, é fundamental adotar hábitos de vida saudáveis. A prática regular de atividades físicas sob orientação, uma boa noite de sono e uma alimentação equilibrada são exemplos que devemos incluir na lista. Mas, afinal de contas, quais são os alimentos bons para os rins?

Saiba que a relação é diversificada e abrange diversos sabores e cores, mas não podemos esquecer que a hidratação diária e adequada é também essencial para que os rins realizem as funções de filtragem e eliminem as toxinas pela urina corretamente.

Neste post, vamos mostrar 5 alimentos que auxiliam na manutenção da saúde renal. Antes, descubra quais substâncias fazem mal para o órgão!

Quais substâncias prejudicam a saúde dos rins?

Quem se preocupa com o bom funcionamento dos rins e, principalmente, quem é paciente renal, deve ter cautela ao consumir alimentos que contenham algumas substâncias, orienta a SBN (Sociedade Brasileira de Nefrologia). Veja quais são elas!

Sódio

Presente no sal, o sódio eleva a pressão arterial, o que contribui para a progressão da doença renal crônica. Por isso, o consumo por pessoa não deve ultrapassar 6 gramas do condimento por dia.

Fósforo

Encontrado no leite, em carnes e refrigerantes, o fósforo é mais difícil de ser eliminado do sangue em pessoas que têm insuficiência renal. Logo, em muitos casos, é necessário reduzir o seu consumo.

Cafeína

A cafeína, em excesso, pode levar ao aumento da pressão arterial e provocar danos aos rins. Seu consumo, portanto, deve ser controlado.

Gordura

A ingestão exagerada de alimentos gordurosos pode resultar no aumento de peso e levar a doenças do coração. Além disso, eles elevam os níveis de colesterol, o que favorece o surgimento de problemas nos rins. A manteiga, a maionese e as frituras, por exemplo, devem ser evitadas.

Quais são os alimentos bons para os rins?

A lista de alimentos bons para os rins é extensa e bastante acessível, sabia disso? Mas aqui vai um conselho: não exagere na quantidade diária! O ideal é investir em uma alimentação variada, atesta a SBN. Confira, a seguir, as nossas dicas!

1. Couve-flor

A couve-flor é um vegetal rico em muitos nutrientes, tais como as vitaminas K e C e o ácido fólico da vitamina B. Excelente para a saúde dos rins, o alimento conta com propriedades anti-inflamatórias e é uma verdadeira fonte de fibras.

2. Pimentão vermelho

O pimentão vermelho tem substâncias diuréticas e antioxidantes que auxiliam no funcionamento dos rins. Ele também combate a inflamação e contribui para manter o nível ideal de eletrólitos no organismo. Por esse motivo, é indicado para pessoas com insuficiência renal e infecções.

3. Peixes gordurosos

A relação de alimentos bons para os rins inclui os peixes gordurosos, que contêm ácidos graxos. Junto com os aminoácidos e os minerais, essas substâncias proporcionam a regeneração celular do órgão e reduzem as chances de formação de pedras e obstruções renais.

Segundo a SBN, os peixes gordurosos são fonte de vitamina D, um nutriente que ajuda o corpo a aproveitar da melhor forma os alimentos digeridos e a absorver e equilibrar a quantidade de sais minerais no sangue.

4. Abacaxi

O abacaxi tem bromelina, princípio ativo presente no sumo cujo efeito antioxidante e anti-inflamatório previne danos aos rins. A ingestão da fruta ajuda a filtrar o sangue, eliminar toxinas e evitar a insuficiência renal, devido ao efeito diurético.

5. Melancia

Rica em água e substâncias antioxidantes, a melancia ajuda a remover as toxinas que chegam aos rins. Suas propriedades diuréticas são capazes de controlar inflamações e evitam as infecções.

Além disso, a fruta previne a desidratação e contém licopeno, que elimina os radicais livres — moléculas que podem intoxicar o organismo. Já as sementes da melancia são uma fonte de cucurbocitrin, que auxilia no alargamento dos capilares sanguíneos e no tratamento de doenças renais.

Aprendeu quais são os alimentos bons para os rins? Para ficar em dia com a sua saúde, lembre-se da importância de consultar um médico especializado, especialmente se você estiver sentindo dores na região lombar ou das costas.

E então, o que achou do nosso conteúdo? Deixe seu comentário para nos ajudar a expandir os conhecimentos sobre o tema!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *